domingo, 17 de julho de 2011

Escola registra impressão digital dos alunos para controlar frequência

A escola municipal Roberto Mário Santini, em Praia Grande, no litoral paulista, monitora a frequência de seus alunos registrando a impressão digital dos estudantes ao chegarem e ao saírem da escola. É a primeira a participar de um projeto da prefeitura que será instalado em todas as 30 escolas municipais. Até 2012, os equipamentos devem estar presentes em toda a rede.
Um dos principais objetivos é controlar se os alunos estão de fato assistindo às aulas e diminuir a evasão escolar. Os pais e responsáveis recebem diariamente um e-mail informando o horário de entrada e de saída das crianças. Se a entrada de um estudante não for registrada até meia hora após o início das aulas, o responsável recebe uma mensagem pelo celular.
A iniciativa é inédita no país, mas pode apresentar muitos outros benefícios, por exemplo, um melhor controle para o programa Bolsa Família, que exige que os filhos do beneficiário tenham uma frequência mínima que varia de acordo com a faixa etária. Outras vantagens é que será possível controlar a quantidade de merenda a ser feita por dia e também garantir maior segurança aos alunos.

Fonte:http://sites.aticascipione.com.br/cidadaodepapel/atualidade.asp?ID=133

Nenhum comentário:

Postar um comentário