sexta-feira, 13 de setembro de 2013

A QUÍMICA ENTRE UM HOMEM E UMA MULHER

A química é uma ciência teórica e experimental, que estuda a estrutura, composição e a transformação das diversas matérias existentes e a inúmeras substâncias que as formam. Com certeza você aprendeu isso na aula de Química, certo??
Mas e a química que existe entre um homem e uma mulher?
O que determina, no meio de centenas e milhares de pessoas, sermos atraídos exatamente por aquele homem ou aquela mulher?
Arnaldo Jabor diz em uma crônica: Se o beijo bate... se joga... se não bate... Mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.
Cientificamente, quando os amantes se vêem ou se tocam há uma mudança na pulsação, na respiração.
Tudo isso para que o cérebro secrete substâncias químicas das anfetaminas, como da dopamina e a neropinefrina.
Quando beijamos, o pulso passa de 70 a 140 batidas por minuto, 29 músculos entram em ação, dos quais 12 pertencem a língua.
Trocamos cerca de 0, 7 diagrama de albumina, 0, 8 miligrama de materiais gordurosos, 0, 5 miligramas de sais minerais, 9 miligramas de água, 18 substâncias orgânicas e pasmem... 250 bactérias e vírus.
Haja química!!!!

Uma química, que ocorre em nosso corpo, mas que necessita de um outro ser humano, para que seja despertada.
Mas, não qualquer ser humano. Aquele... entende??
E não estamos falando em beleza!
Somos atraídos muitas vezes por pessoas que fogem aos nossos padrões de beleza. Tipo que voce às vezes até se pergunta: que é que eu vi nele (a)?

A química a que me refiro não é exatamente a transformação destes agentes, que ocorrem em nosso organismo, porque sabemos que comprovadamente isso acontece.
Mas, o porquê ela ocorre especificamente com determinada pessoa?

Nenhum comentário:

Postar um comentário