terça-feira, 8 de abril de 2014

Robert Recorde

Robert_Recorde-postado_-_Microsoft_Word
Matemático e médico inglês nascido em 1510, no País de Gales, filho de Thomas Recorde e Rose Jones. Morreu no ano de 1558, em Londres. Um ano antes de sua morte, publicou seu mais citado livro, o Whetstone of Witte (1557), empregando pela primeira vez os nossos atuais sinais de adição e subtração, com essa finalidade de somar e subtrair e também o sinal de igualdade. O símbolo de igualdade nem sempre foram os traços paralelos a que tanto estamos acostumados. No século XVI, François Viète foi o primeiro a usar a palavra aequalis, e mais tarde o sinal ~, para denotar a igualdade. A criação do atual símbolo da igualdade ( = ) deve-se ao Robert Recorde.

Sobre esta criação do sinal da igualdade, diz a história, que Robert Recorde estava debruçado sobre uma folha repleta de números e letras, com uma pena na mão, desenhando um tracinho horizontal. Bem acima, desenhou um segundo traço do mesmo comprimento, rigorosamente paralelo. Olhando demoradamente para o que tinha feito, sentiu orgulhoso e satisfeito pelo sinal que se  tornaria com um dos mais usados na Matemática. Este sinal de igualdade circulou rapidamente entres os matemáticos do mundo. Quando perguntavam a ele como tinha criado o símbolo, ele respondia:
"Se escolhi um par de paralelas, é porque elas são duas linhas gêmeas, e nada é mais semelhante que dois gêmeos".

Estudou e graduou-se em Matemática em Oxford e em Cambridge, tornando-se posteriormente professor nestas instituições universitárias. Graduou-se em Medicina em Cambridge (1545), tornando-se médico do rei Edward VI e da rainha Mary.

Seu primeiro livro, Grounde of artes (1541), sobre aritmética popular com aplicações comerciais, teve mais de vinte e cinco edições. Publicou Castle of Knowledge (1551), sobre astronomia e Pathewaie to Knowledge (1551), o primeiro livro sobre geometria escrito em inglês.

Fonte: http://www.matematica.com.br/site/index.php?option=com_content&view=article&id=787:robert-recorde&catid=40:biografias&Itemid=183

Nenhum comentário:

Postar um comentário